segunda-feira, 2 de março de 2009

Módulo-Padrão

No teu percurso casa-escola ou em passeios já reparaste nas casas e nas paredes revestidas a azulejos ou nos desenhos das calçadas.
Se observares com atenção, verificas que neles há um elemento que se repete - azulejo, paralelo ou outros - aos quais damos o nome de módulo.
Esse módulo é usado de forma repetitiva, formando um conjunto de módulos; a esse conjunto damos o nome de padrão.
Assim, como nas diversas formas artísticas existem obras de arte figurativas ou abstractas e bi ou tridimensionais; também os padrões podem ser geométricos ou figurativos e bi ou tridimensionais e ainda naturais ou artificiais.

8 comentários:

Filipa 6º6 disse...

Olá, professora!
Como você refere no texto, eu já reparei nos passeios e nas casas...
No Museu dos Biscainhos podemos observar que lá havia vários tipos de azulejos!
Na aula aprendemos tudo aquilo que está retratado no texto.

Catarina6º6 disse...

Olá, professora!!
Estou a gostar muito deste trabalho em EVT.

Oleksander 6º6 disse...

A professora tem toda a razão...
Existem mesmo imensos padrões artificiais, naturais, etc.
As obras de arte bi e tridimensionais são as minhas favoritas (as abstractas também são interessantes), os azulejos são muito giros e os antigos costumam ter sempre uma história.
Continue com o bom trabalho!...

Carla e Hugo 6º6 disse...

Aprendemos a fazer a:
-Rotação;
-Alteração;
-Simetria;
-Assimetria;
-Translação.
Aprendemos também o que é o
modulo-padrão.

Marco e Duarte 6º6 disse...

Já lemos o texto e adoramos. Reparamos muito bem nos milhares de padrões que existem numa cidade. Como a Filipa, também reparamos nos azulejos do Museu dos Biscaínhos que retratavam cenas do quotidiano da época.

Até à próxima aula.

Rita e Tânia 6º6 disse...

Olá, professora.
Este módulo de aprendizagem é bastante diferente do que temos feito até agora e gostava de saber mais sobre isto.
A professora não tem conhecimento de algum site sobre isso?

João Leonardo 6º6 disse...

Professora, eu já reparei nos passeios, nas paredes e nos desenhos das calçadas e isso é muito fixe.
Aprendi várias coisas do módulo e do padrão e gostei...

Mariana 6º6 disse...

Olá, stora... Como a Filipa disse no Museu dos Biscainhos podemos observar vários tipos de azulejos, que retratam a vida que os nobres tinham.
Sempre que faço o percurso casa, escola reparo que nos passeios(e nas casas) há vários tipos de padrões... mesmo nos passeios da Avenida têm vários padrões.