quinta-feira, 19 de junho de 2008

Vem aí a noite mais longa de Braga!

As festas em louvor de São João, conservam grande parte da sua tradição original no Norte do país, principalmente no Porto e em Braga. Os primeiros registos do S. João de Braga datam de 1515, data que pela primeira vez a Câmara Municipal assume a sua realização. Na noite de 23 para 24 de Junho, não há bracarense que fique em casa. Nas ruas, os foliões passeiam o alho-porro, os martelos de plástico, compram manjericos e comem sardinha assada.

"Meu querido São João
És um Santo popular
Traz teu arco e teu balão
Vem com o povo dançar!

Delicados pés pisaram
Rosmaninhos pelo chão
Muitos corações amaram
Na noite de São João."

São João é o Santo mais festejado em todo o país. Pelo menos é o que nos diz o Cancioneiro Popular:

"Até os mouros na Mourama
festejam o São João.
Quando os mouros o festejam
que fará quem é cristão."

São João era primo de Jesus e ganhou o nome de "baptista" porque baptizava as pessoas no rio Jordão, derramando-lhes água sobre as cabeças.
Grande crítico da política romana era adorado pelo povo e odiado pelo Rei Herodes, que o mandou decapitar, a pedido da sua enteada, Salomé.
O dia 24 de Junho foi consagrado a S. João pois crê-se que ele nasceu nesta data.
Segundo os registos do Cancioneiro Português, dos três santos: Santo António, S. João e S. Pedro, São João é o santo menos confiável, por causa da fama de sedutor.

"São João fora bom santo
se não fora tão gaiato
levava as moças para a fonte
iam três e vinham quatro."

2 comentários:

Paradoxos disse...

haja FESTA!!!!!!
E um momento de GRANDE diversão!!
um beijão com estima e todo o carinho do mundo!!

Edu

daniel disse...

Olá Nina

O São João é mais do Norte, nomedamente Porto, Braga também chegam notícias. O vulgo popular atribui "artes" aos santinhos, que eles de tão bonzinhos, não se atreveriam, mas vivó os santos populares e entremos nos arraiais e na boa sardinha assada.
Mais a séria, tentei saber mais alguma coisa através da tua pesquisa.
Obrigado, Daniel.